A fraqueza do homem e a fidelidade de Deus

1 Ao regente do coro-para soprano. Canção do grupo de Corá. Aleluia! Que todo o meu ser te louve, ó SENHOR!

2 A vida inteira eu louvarei o meu Deus, cantarei louvores a ele enquanto eu viver.

3 Não ponham a sua confiança em pessoas importantes, nem confiem em seres humanos, pois eles são mortais e não podem ajudar ninguém.

4 Quando eles morrem, voltam para o pó da terra, e naquele dia todos os seus planos se acabam.

5 Feliz aquele que recebe ajuda do Deus de Jacó, aquele que põe a sua esperança no SENHOR, seu Deus,

6 o Criador do céu, da terra e do mar e de tudo o que neles existe! O SENHOR sempre cumpre as suas promessas;

7 ele julga a favor dos que são explorados e dá comida aos que têm fome. O SENHOR Deus põe em liberdade os que estão presos

8 e faz com que os cegos vejam. O SENHOR levanta os que caem e ama aqueles que lhe obedecem.

9 O SENHOR protege os estrangeiros que moram em nossa terra; ele ajuda as viúvas e os órfãos, mas faz com que fracassem os planos dos maus.

10 O SENHOR será Rei para sempre. Ó Jerusalém, o seu Deus reinará eternamente. Aleluia!

Compartilhar